Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



31 . MAI . 2015

31.05.15

CORROIOS / SETUBAL / VENDAS NOVAS / MONTEMOR-O-NOVO / AGUAS DE MOURA / PINHAL NOVO / COINA / CORROIOS

dia 31.jpg

Mais um fim de semana, e mais uma homenagem. Desta vez para o grande amigo Rui Amaro. Mas este não compareceu no passeio, sendo este ano, o primeiro homenageado a faltar ao passeio que lhe foi dedicado.

Eram poucos os elementos que iriam alinhar à partida, apenas 5. Assim, o Longo Curso aliou-se a um grupo que saiu de Almada com destino a Reguengos de Monsaraz, fazendo parte do percurso destinado para hoje na companhia destes amigos.
Durão, Valera e André partem de Corroios, e na passagem pelo casal do Marco apanham Matias. Logo se apercebem que o 5º elemento, Tavares, desistiu à ultima da hora. Uma má noticia, pois não só deixariam de desfrutar da companhia deste amigo, como também, o grupo perdia força para vencer o muito vento que hoje soprava de Norte.
A partir de Coina, o grupo de Almada impôs um ritmo certo e acessível a todos, e alguns elementos dos Longo curso foram dando uma ajuda na frente.
Na passagem por Vendas Novas, Matias desiste do esforço de acabar este grande passeio e segue para casa com o grupo BTT Sado, que por coincidência  iam até Vendas Novas.
Estava assim a equipa dos Longo Curso reduzida a 3 elementos.
Ao chegar a Montemor-o-Novo, os longo Curso dizem adeus ao Grupo de Almada e viram na direcção de Alcácer do Sal. Neste troço apanham algumas subidas, mas também partes muito rolantes.
Aos 150km a equipa chega a Alcácer do Sal com uma velocidade média de 32km/h. Paragem num supermercado para comprar queijo, presunto, cola, etc.. tudo a que tinham direito. O almoço foi feito num jardim próximo ao som das varias dezenas de pássaros que lá habitam. 
Barriga cheia, e o trio faz-se à estrada. O vento soprava muito forte de frente, e o grupo encontra um ritmo um pouco lento, é certo, mas confortável para vencer os ainda quase 100km que tinham pela frente.
À hora prevista pelo chefe de fila, dava-se a chegada à Tasca Tosca para não um, não dois, mas sim, três brindes acompanhados pelas iguarias desta grande casa.
 
O Passeio Concluí-se com 233km, acumulado de 1850m e velocidade média de 29km/h.
 
EQUIPA
Luís Durão
André Fernandes
Pedro Matias
Jorge Valera
 

15080006.JPG

 

15090010.JPG

 

17230016.JPG

17250018.JPG

17260019.JPG

17270022.JPG

17270024.JPG

17270025.JPG

18070036.JPG

18090038.JPG

18100042.JPG

21420047.JPG

23130049.JPG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

30 . MAI . 2015

31.05.15

CORROIOS / COINA / PINHAL NOVO / RIO FRIO / TAIPADAS / CANHA / CORUCHE / INFANTADO / ALCOCHETE / COINA / CORROIOS

30_Maio.jpg

Para o dia de hoje, o chefe de fila tinha organizado um passeio com cerca de 130km, como forma de aquecimentos para o grande passeio que seria realizado no dia seguinte. Mas, pela falta de adesão dos elementos do Longo Curso, viu-se forçado a juntar-se ao TGV para um passeio com destino a Coruche. Como disse Pedro Matias "É triste ter que ir no comboio do vizinho para ir dar uma volta".

Luís Durão partiu com os TGV de Corroios às 8:30, e na passagem por Coina entram Pedro Matias e António Tavares.
Como sempre, o TGV impõe o seu ritmo forte, e por volta do km 60, Tavares ao achar que está a ser demasiado rápido, decide abandonar a carruagem, todos temos dias maus. Durão e mesmo alguns elementos alheios ao Longo Curso, tentam convence-lo a continuar, mas Tavares já tinha tomado a sua decisão.
Pedro Matias que estava em boa forma, achou por bem num gesto de camaradagem apoiar Tavares no regresso. Isto é muito bonito, mas estavam apenas a 60km de casa, e qualquer um, por mais "coxo" que seja, o que não é o caso, poderia ir sozinho. O mesmo não aconteceria com Durão, se por acaso ao chegar a Coruche tivesse uma quebra ainda teria mais 100km até casa, para desfrutar sozinho, porque como é do conhecimento de todos, o TGV não espera.
Isto estaria bem se no mínimo fossem 4 elementos, ficavam dois e seguiam outros dois. Ou então, ambos avisavam que não estavam nas melhores condições, e aí Durão poderia optar por continuar por sua conta. Se no futuro surgir mais alguma situação idêntica deverá ser melhor pensada para bem do grupo. 
Continuando com o passeio, Durão chega a Coruche com média de 34,6km/h. Aqui iniciam o regresso em direcção ao Infantado. Ao passar pelo Entroncamento a velocidade média estava em 34,8 km/h. 
Aqui, Durão decide fazer o restante caminho sozinho, uma vez que o passeio ainda se alongava por mais uns km, e no dia seguinte tinha mais um grande desafio a cumprir.
 
O passeio concluí-se com 191 km, acumulado de 988m e velocidade média de 33,7 km/h.
 
EQUIPA
Luís Durão
Pedro Matias
António Tavares

11109291_10205364759130824_4389657654320263346_n.j

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

24 . MAI . 2015

24.05.15

LISBOA / SACAVEM / CANEÇAS / VALE DE LOBOS / MALVEIRA / LOURES / LISBOA

dia 24.jpg

O chefe de fila, Luís Durão, está numa fase de inspiração, e as homenagem não param de sair. Desta vez, o homenageado foi o amigo José Oliveira (Félix). 

Este passeio, apesar de um pouco mais curto que o habitual, apresentava algumas surpresas, não fosse ele uma homenagem.
Assim, ás 8:05, Luís Durão, Jorge Valera, André Fernandes e José Félix partem da Avenida de Roma em direcção à zona da Expo, onde já se encontrava à espera Pedro Matias, que fechava a equipa para o dia de hoje. 
Saída em direcção a Frielas e aqui começa o sobe e desce, maioritariamente por estradas pouco movimentadas e com bonitas paisagens.
Por volta dos 46km, eis que chega um dos momentos altos do dia, a subida de Cheleiros. Uma subida de 3ª categoria que fazia parte da Volta a Portugal. Continuação em direcção à Malveira, e aqui, paragem para a já tradicional trouxa.
Na passagem pela mais recente avenida de Lisboa, toda construída em granito, Eixo Central, breve paragem para ver os aviões da TAP a aterrar e descolar, em que os quatro elementos aproveitaram para cantar a música dos Azeitonas "Anda comigo ver os Aviões" ao seu chefe de fila.
Às 12:10, como previsto pelo chefe de fila, chegada à Avenida de Roma e paragem na Pastelaria Sílvia para mais um brinde. Mas, desta vez, o Sr. Luís não estava de serviço, não tendo assim os participantes desta homenagem o tratamento vip que esperavam.
 
O passeio concluiu-se com 97,5km, acumulado de 1500m e velocidade média de 24,7km/h.
 
EQUIPA
Luís Durão
André Fernandes
Pedro Matias
José Oliveira 
Jorge Valera

 

1.JPG

2.JPG

3.JPG

4.JPG

7.JPG

8.JPG

9.JPG

10.JPG

 

11.JPG

12.JPG

15.JPG

16.JPG

17.JPG

18.JPG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

23 . MAI . 2015

24.05.15

CORROIOS / CANHA / LAVRE / VENDAS NOVAS / PEGÕES / POCEIRÃO / LANÇADA / CORROIOS

dia 23.jpg

O LongoCurso está numa de Homenagens ao seu pelotão e desta vez o venerado foi António Miguel Tavares.
Tivemos uma semana de muito calor e algum vento, mas fomos surpreendidos com menos calor logo pela manha e algum vento desconfortável para o pelotão. O tiro de partida foi dado pelas 7h (a pedido de Pedro Matias, o Homem tinha “tarefas” familiares para fazer), Luís Durão, Silvério Correia e José “Félix” Oliveira partem à hora combinada de Corroios, e no Casal do Marco entra no grupeto o Treinador (Bernardino Adão). Na passagem por Coina o pelotão ficava completo com a entrada do Homenageado e de Pedro Matias.
Hoje, para além da homenagem, tínhamos também a tarefa de levar o Companheiro Silvério até Coruche, porque este ia encontrar-se com os seus “serranos",  que vinham numa longa missão (Covilhã > Lisboa = 300km). Por isso, o amigo Silvério andou cerca de 100km na cauda do grupo, abrigado do vento, com a desculpa que ainda tinha de fazer mais 200km.
Por isso, a maior parte das despesas foram feitas por Luís Durão e Pedro Matias, dois Homens de Pera e Barba Riga que deram sempre o peito ao vento.
O Homem da Loja (Félix) veio como sempre fazer o seu cardiozito e acompanhou o pelotão até ao Pinhal Novo, homem este que ainda vinha aquecer a perna também para a sua homenagem no dia a seguir.
Na Malhada Alta (Coruche), houve a paragem para “comes e bebes” no Café Canuto, onde tivemos a presença da bonita Srª Hortense com aquele olho azul, de fazer inveja a muitos. Com o depósito cheio, o nosso homenageado lá ganhou força para ir lutar para a frente do pelotão.
Ah, o nosso treinador também vinha no grupo, mas passou cerca de 160km a treinar para ponta-de-lança, esteve sempre na cauda, nunca foi visto na frente do pelotão, ou será que estava a Treinar a Dor…
Depois de deixar Silvério no local combinado, foi fazer o resto do nosso percurso pré estabelecido.  
O calor já apertava e foi altura de abastecer na fonte da freguesia de Lavre para ganhar embalo até Vendas Novas, desta vez não houve direito a Bifanas, havia horários a cumprir.
A seguir a Vendas Novas, foi altura do nosso Chefe de Fila meter ordem na casa, e chamar o nosso treinador a frente do pelotão,  porque a recta do Poceirão ia mudar de nome.
O resto do percurso a partir do Poceirão, foi feito, a um ritmo calmo e sempre unidos como uma verdadeira EQUIPA, com o objectivo de chegar a tão desejada Mini/Coca. Desta vez a paragem foi nas Festas da Moita.

O Passeio concluiu-se com 200km, acumulado de 1000m e média de 29km/h.

EQUIPA
Bernardino Adão
Silvério Correia
Luís Durão
Pedro Matias
José "Félix" Oliveira
António Tavares

3.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

17 . MAI . 2015

18.05.15

LISBOA / ESTORIL / ERICEIRA / TORRES VEDRAS / MONTEJUNTO / VILA FRANCA / LISBOA

DOMINGO.jpg

Para o dia de hoje, o chefe de fila preparou mais um passeio de homenagem, desta vez aos participantes do Douro Granfondo, Pedro Matias e André Fernandes.

Às 8:05, a equipa formada por Durão, André, Morais, Matias e Tavares encontram-se em Alcântara e seguem de imediato para o seu desafio.
Primeiros quilómetros feitos em ritmo de aquecimento e, assim que a locomotiva aumenta a velocidade, Matias fura. 
O problema foi rapidamente resolvido e a viagem continuou em bom ritmo, média de 35km/h nos primeiros 25km. 
Assim que aparecem as primeiras subidas, Matias começa a descair e a equipa apercebe-se que ele não está em muito boa forma. A constipação da semana passada deixou as suas marcas. Desta forma, o grupo reduziu a velocidade e tentou proteger Matias do vento, para que todos chegassem ao fim.
Na Ericeira, os mais de 30ºC que se faziam sentir, obrigam a uma paragem para abastecer água. Morais apercebe-se que se passa algo de errado com a roda da frente. Um raio desapertado, que acaba mesmo por ficar na sua mão. Mas, nada que impedisse o passeio de continuar.   
Em Torres Vedras, nova paragem para encher os cantis. Matias diz que vai ficar por ali, os restantes que continuem sem ele. Mas o chefe de fila não deixa ninguém para trás, dizendo mesmo: "nem que seja à porrada hás-de chegar lá".
Chegada ao início da subida de Montejunto, mais um furo, desta vez para André. 
Enquanto a câmara de ar era substituída, Matias iniciou a subida num ritmo confortável, de seguida saiu Durão ao seu encontro, para fazer companhia. 
No final da subida, paragem na roulote para abastecimento. Foto da praxe e início da descida. O piso estava em mau estado e novo furo para Matias. 
Chegada a Vila Franca, Matias diz que vai ficar por ali e apanhar o comboio. Tavares fica indeciso se segue com Matias ou acompanha os restantes até ao destino final. Como já acusava algum cansaço, decide-se por seguir com Matias.
Os restantes 3 elementos fazem-se à estrada, com Durão a passar bem, e a impor um ritmo bastante forte à frente. Até que, já perto do destino final, André tem um novo furo. Últimos quilómetros feitos calmamente até à estação Roma-Areeiro. 
Os 3 resistentes seguiram à procura de um café, para o tradicional brinde, até que, por acaso, entram na Pastelaria Sílvia, onde o Sr. Luís os atendeu como ninguém. Para acompanhar as médias que iam chegando ao balcão, ia oferecendo tremoços, chamuças, choco... Não deixava que nada faltasse.
Uma cliente, a Sra Mila, que os acompanhou nos brindes, rendida aos encantos do Sr. Morais, até pagou a ultima rodada. 
Ficou a promessa de lá voltar, talvez quem sabe, já no próximo passeio. 
 
O passeio concluiu-se com 190km, acumulado de 2400mts e média de 27,2km/h.
 
EQUIPA
Luís Durão
André Fernandes
Pedro Matias
Luís Morais
António Tavares

4.JPG

5.JPG

6.JPG

7.JPG

9.JPG

10.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

16 . MAI . 2015

18.05.15

CORROIOS / PALMELA / MOITA / RIO FRIO / PINHAL NOVO / SETUBAL / ARRÁBIDA / COINA / CORROIOS

SABADO.png

 

Para a etapa de hoje tínhamos cerca de 130km com prémio de montanha no Alto da Arrábida, o resto era só aquecer as pernas. Aquecimento que não foi preciso, devido ás altas temperaturas que este verão de Maio nos proporciona.

O arranque da etapa foi às 8h30 de Corroios. Luís Durão saiu à hora certa e até ao Casal do Marco apanhou Luís Morais e Silvério Correia. Entretanto entram no pelotão Rui Cabrita, António Tavares e Pedro Matias que já vinham do Barreiro. Como sempre, há os atrasados Rui Amaro e José “Félix”, que acabaram por  entrar em Coina, juntamente com Paulo Silva.
Foi altura de meter a conversa em dia e sentir as boas sensações das pernas. Sentia-se que o pelotão não estava a top, Pedro Matias ainda trazia “restos” da chuvada do Douro, Rui Cabrita não tem o motor afinado para alta montanha e o “Félix” estava à justa de tempo. Há que dar mérito ao homem que ainda ia abrir a Loja.

No Pinhal Novo, fizemos uma curta pausa para abastecer os bidons e beber um café, paragem que não estava no programa e que teve reflexo no fecho da volta.
O pelotão rolou compacto na maioria do percurso. Félix saiu na Lagoinha ainda a tempo de abrir o seu negócio. Rui Cabrita desta vez não conseguiu fazer magia e abandonou o pelotão na Volta da Pedra.

Hoje não tínhamos o nosso treinador (Bernardino Adão) presente, mas este não deixou de fazer apostas para o prémio de montanha, será que ganhou a aposta?

O grande momento da etapa estava à nossa espera, a subida ao topo da Arrábida. O grupo parte junto, mas a diferença de ritmo dita a sua lei. Silvério com peso pluma da equipa deu o seu festival pela serra acima, festival velocipédico e fotográfico. O Prémio de Montanha ficou assim ordenado, 1º Lugar: Silvério Correia, 2ª Lugar: Paulo Silva e 3ª Lugar: Rui Amaro.

A seguir, desceu-se a serra num ritmo calmo e sempre unidos como uma verdadeira EQUIPA, com o objectivo de chegar à tão desejada Mini. Mas, desta vez não houve brinde, havia elementos com a rédea curta, devido ao tempo perdido no café.

AH, o nosso treinador acertou na aposta.

O passeio concluiu-se com 134km, acumulado de 1485m  e média de 27,3km/h

 

EQUIPA

Rui Amaro

Rui Cabrita

Silvério Correia

Luis Durão

Pedro Matias

Luís Morais

José Oliveira

Paulo Silva

António Tavares

2.jpg

3.jpg

4.jpg

5.jpg

6.jpg

7.jpg

8.jpg

 

10389329_834702963234224_3255277206420985167_n.jpg

10422137_834702806567573_4083938061245371208_n.jpg

10478673_834702956567558_5378569168400104213_n.jpg

10995309_834703059900881_3214708954792499842_n.jpg

 

11073202_834702849900902_7036037224111860175_n.jpg

11096552_834702946567559_5580949946831985333_n.jpg

11225317_834702786567575_1672888733400162432_n.jpg

11226929_834702749900912_8155012701463294020_n.jpg

11259507_834702776567576_5463214171639741852_n.jpg

11263140_834702959900891_3961764407631277446_n.jpg

11265263_834702793234241_4659248408802542322_n.jpg

 

13282_834702983234222_8061431653296467218_n.jpg

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

10 . MAI . 2015

10.05.15

LISBOA / VILA FRANCA / VALADA / MUGE / BENAVENTE / PORTO ALTO / ALCOCHETE / CORROIOS

10_05.jpg

Apesar de se avizinhar um passeio lindíssimo para este Domingo de sol, a adesão foi muito fraca, alinhando à partida apenas 3 elementos do LongoCurso. Assim, ás 8 horas da manhã, partem da Avenida de Roma André, Durão e Valera.

Desde inicio houve um bom entendimento entre os três atletas, que constantemente rodavam pela frente. É de ressalvar o empenho de Durão, que após todo trabalho nos 175 km da volta do dia anterior, hoje apresentou-se em grande forma, e com vontade de quebrar alguns recordes.
Nos primeiros 60km o trio levava uma velocidade média de 31,2km/h. E, eis que no meio dos muitos peregrinos que haviam iniciado a sua caminhada a Fátima no dia anterior, Durão avista a sua querida esposa. Ao longo de cerca de 1km fizemos companhia a estes peregrinos, baixando a velocidade média para os 28km/h.
Depois de passada a ponte de Muge, a velocidade começa a aumentar e, graças a um excelente trabalho de equipa, o trio segue a uma média de 40km/h até Porto Alto. 
Aqui, paragem para a habitual sandes de presunto, onde já se encontrava à espera o reforço para a equipa, Rui Amaro.
Do Porto Alto até Coina ritmo constante, com principalmente Amaro a assumir a frente do grupo. 
No Casal do Marco, paragem para mais um brinde. Desta vez, os 33ºC que se faziam sentir deram-lhe um gosto especial. 
 
O passeio concluiu-se com 159km, média de 30,6 km/h e acumulado de 700mts
 
EQUIPA
Rui Amaro
Luís Durão
André Fernandes
Jorge Valera

16490002.JPG

16500003.JPG

16510007.JPG

16510009.JPG

16530016.JPG

16530019.JPG

16540020.JPG

16560028.JPG

17330031.JPG

17470039.JPG

17480041.JPG

17500048.JPG

19130051.JPG

19150054.JPG

19150056.JPG

19160057.JPG

19160058.JPG

20150510_134410.jpg

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

09 . MAI . 2015

10.05.15

LISBOA / CARREGADO / ALCOENTRE / AVEIRAS / AZAMBUJA / PORTO ALTO / ALCOCHETE / CORROIOS

Capturar (2).PNG

Tomo a liberdade de, em meu nome e dos Amigos do “LongoCurso”, dedicar o nosso passeio de hoje a todos os “Peregrinos” que se aventuram, movidos pela Fé, a percorrer os mais variados caminhos e com as mais diversas origens que levam ao encontro com a nossa Senhora de Fátima!
Durante as quase duas centenas de quilómetros de estradas por onde pedalámos, o encontro com grupos de “Peregrinos”, de diversas dimensões e a perfazerem várias centenas, foi uma constante. Ou seja, hoje não ficámos só Pelo Puro Prazer de Pedalar com Amigos, tivemos ainda o privilégio e o prazer de trocar saudações e desejar um BOM CAMINHO aos que encontrámos e que estendemos a TODOS os PEREGINOS!

Silvério Correia

O Passeio concluido 175km com média de 31km/h e acumulado de 1074m.

EQUIPA
Bernardino Adão
SIlvério Correia
Luís Durão
Luís Morais
Paulo Silva
António Tavares

10406742_1587856451475442_7062932882127020895_n.jp

10421441_1587856434808777_4367289792490357093_n.jp

10422041_1587856554808765_7834532903882529764_n.jp

10462976_1587856391475448_4971398175646339912_n.jp

10897810_1587856384808782_7790888562643698871_n.jp

10982195_1587856334808787_5989009467420736619_n.jp

 

1509981_1587856488142105_1780596350579419388_n.jpg

11037825_1587856498142104_8471976204182456515_n.jp

11209659_1587856494808771_2823676228782350126_n.jp

11205123_1587856558142098_2025333949646157395_n.jp

11209648_1587856571475430_4311892390691224745_n.jp

11220839_1587856424808778_6168635318496560698_n.jp

11235432_1587856378142116_1653589354823897140_n.jp

11245491_1587856394808781_1140272417453400604_n.jp

11252760_1587856478142106_1463733956299924350_n.jp

11255541_1587856331475454_8889274384775977013_n.jp

11263022_1587856448142109_9219732085217494438_n.jp

 

10995409_1587856614808759_6632998396452269843_n.jp

11226556_1587856618142092_4703318673970823247_n.jp

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

02 . MAI . 2015

04.05.15
CORROIOS / PALMELA / PINHAL NOVO / RIO FRIO / SETUBAL / ARRABIDA / AZEITÃO / COINA / CORROIOS

Capturar (1).PNG

Vale Milhaços - Corroios - Fogueteiro - Coina - Quinta do Anjo - Palmela - Lagoinha - Pinhal Novo - Lançada - Alto do Estanqueiro - Rio Frio - Areias Gordas - Algeruz - Alto da Guerra - Praias do Sado - Setubal - Vale da Rasca - Arrabida - Azeitão - Coina - Casal do Marco - Santa Marta - Vale Milhaços

O passeio concluiu-se com 136 kms e velocidade média de 28,6 km/h.

 
EQUIPA
Bernardino Adão
Luis Durão
António Tavares
 
CONVIADO
Victor

Autoria e outros dados (tags, etc)

01 . MAI . 2015

01.05.15

CORROIOS / INFANTADO / TAIPADAS / AGUALVA / PINHAL NOVO / COINA / CORROIOS

Capturar.PNG

 

Vale Milhaços - Corroios - Fogueteiro - Casal do Marco - Mirante - Cabeço Verde - Moita - Sarilhos - Atalaia - Passil - Entroncamento - Carreira de Tiro de Alcochete - Infantado - Taipadas - Poceirão - Lagameças - Lau - Pinhal Novo - AutoEuropa - Covas de Coina - Coina - Santa Marta - Vale Milhaços

O passeio conclui-se com 139 kms e média de 30,1 km/h
 
EQUIPA
Bernardino Adão
Rui Amaro
Rui Cabrita
Silvério Correia
Luís Durão
Tiago Durão
Paulo Silva
 
CONVIDADO
Nelson Rato

01052015(001).jpg

01052015(003).jpg

01052015(004).jpg

01052015(006).jpg

01052015(007).jpg

01052015(009).jpg

01052015(012).jpg

 

01052015(013).jpg

01052015.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D


Pesquisar

  Pesquisar no Blog